Buscar

Diante do aumento de casos de Covid-19 em SC, Fetrafi orienta sobre os cuidados a serem tomados



O ano de 2022 começa com uma terceira onda de Covid-19 por conta da variante Ômicron. Recordes são batidos diariamente no número de infecções diárias em todo o mundo. A vacinação tem sido uma barreira para que a grande maioria dos infectados não tenham sintomas de forma grave. No entanto, isso não significa que esta variante também não seja letal.


Em Santa Catarina, não tem sido diferente. Em Florianópolis, somente em 24 horas, já aconteceram mais de 2 mil casos da doença. No Estado inteiro, inclusive, a taxa de ocupação dos leitos para tratamento de Covid-19 está crescendo. A direção da Fetrafi-SC está atenta a estes acontecimentos e, junto ao Comando Nacional e às COEs, tem cobrado dos bancos o cumprimento dos protocolos negociados como forma de proteger a saúde da categoria.


Mas é preciso que os bancários também façam a sua parte. Por isso, a Federação dos Trabalhadores em Instituições Financeiras de Santa Catarina orienta a categoria a tomar alguns cuidados:


- Vacinação: todos e todas devem se vacinar com as três doses da vacina. Somente a conclusão do ciclo vacinal de cada indivíduo pode evitar e reduzir as internações e mortes pela Covid-19. Conforme se constata pelos dados apresentados pela imprensa, a imensa maioria das pessoas infectadas que estão internadas atualmente não se vacinaram. Além disso, ainda há muitas pessoas que se recusam a se vacinar propagando o vírus com mais força e contribuindo com a formação de mais variantes;


- Uso de máscaras: usá-las continua sendo essencial, inclusive para os vacinados. É importante procurar usar a máscara adequada e de forma correta. Os bancos devem fornecer materiais de qualidade. Infelizmente, ainda é preciso usar a máscara para evitar a disseminação da Covid-19;


- Higienização: é necessário lavar as mãos com água e sabão frequentemente. O uso do álcool em gel continua sendo ainda muito importante para evitar contaminações;


- Distanciamento: é preciso manter o distanciamento de 1,5 metros entre as pessoas para garantir a segurança, mesmo em locais abertos.


- Evite aglomerações: é preciso evitar aglomerações, como em festas e bares, por exemplo, para evitar a propagação do vírus em massa e possível contaminação.


Além dos cuidados citados acima, a Fetrafi-SC orienta a todos os bancários e bancárias que comuniquem a sua unidade em caso de suspeita ou confirmação da doença, assim como todos os trabalhadores devem ser comunicados.


Afastados para testagem e funcionários em teletrabalho não podem ter desconto no ponto.

Caso os protocolos sejam descumpridos, avise o seu sindicato.


Em caso de suspeita de Covid-19 ou algum sintoma de gripe, o seu sindicato deve ser avisado.


Atente-se às recomendações e vacine-se. Junte-se a nós em mais essa luta!