Buscar

Com mais de 98% dos votos, empregados do Sistema BNDES rejeitam propostas para ACT

Comissão dos Empregados orientou pela rejeição do documentou que não atende pauta de reivindicações da categoria

Por ampla maioria, os empregados do Sistema BNDES rejeitaram a proposta das Empresas para o Acordo Coletivo de Trabalho de 2022. A votação ocorreu em Assembleia Geral Extraordinária (AGE), convocada pelo Sindicato dos Bancários na segunda-feira (22). A Comissão dos Empregados já havia orientado pela rejeição do documento, por não atender a pauta de reivindicações da categoria.


Dos 1.677 trabalhadores e trabalhadoras que participaram da votação, 1.645 (98.09%) disseram “não” à aprovação da proposta apresentada pelos representantes do BNDES e suas subsidiárias BNDESPAR e Finame, na mesa de negociação. Apenas 23 (1.37%) disseram “sim” à proposta e 9 (0.54%) se abstiveram.


Os trabalhadores também foram perguntados se aprovavam ou não a “convocação/transformação da presente Assembleia em permanente”: 1.614 (96.24%) responderam que sim. Outros 36 (2.15%%) responderam que “não” e 27 (1.61%) se abstiveram.


Fonte: Associação dos funcionários do BNDES.