Buscar

Bancários vestem preto contra descaso da Fenaban em Chapecó amanhã, 26


A Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) tem enrolado durante as negociações, oferecendo propostas rebaixadas para reajustes salariais e nos vales, desrespeitando a categoria. Os bancários farão atos nas agências de Chapecó nesta sexta-feira, 26, vestindo preto, cobrando respeito dos banqueiros e uma proposta justa.


O objetivo é mostrar o descaso dos bancos com seus funcionários, que contribuem para que o setor alcance seus ganhos astronômicos. Os cinco maiores bancos do país (Banco do Brasil, Caixa, Bradesco, Itaú e Santander), por exemplo, obtiveram juntos um lucro de R$ 56,5 bilhões nos seis primeiros meses de 2022, valor 14,4% superior em relação ao mesmo período do ano passado, com rentabilidade de 18% em 12 meses.


O ato será concentrado na agência Centro da Caixa, com participação também das agências do Itaú e da Caixa Desbravador. Todos os colegas estão convidados a se unir à nossa mobilização, usando preto nesta sexta e publicando fotos da manifestação nas redes sociais com as hashtags #QueVergonhaFenaban #BanqueiroCruel e marcando a @fenaban.


Marque também as redes sociais do sindicato:

Facebook: sindicato.dosbancarios

Instagram: @bancarioschapeco

Twitter: @bancarios_cco


Os bancos mantêm uma postura intransigente nas negociações. Para os salários, ofereceram reajuste de 5,82%. Abaixo da inflação projetada pelo Banco Central, de 8,9%. Para os vales alimentação e refeição, a Fenaban propôs, na mesa desta terça-feira (23) reajuste a 100% do INPC (8,88%), mas Comando Nacional dos Bancários rejeitou, pois reivindica reajuste que cubra a inflação dos alimentos (15,37%). Nesta quarta-feira (24) a negociação é sobre a PLR.


Fonte: Sindicato dos Bancários de Chapecó e Região