Buscar

23ª Conferência Estadual da Fetrafi-SC define as resoluções para a Conferência Nacional

Atualizado: Ago 31


Neste sábado, 28, mais de cem bancários e bancárias participaram da 23ª Conferência Estadual dos Trabalhadores do Ramo Financeiro de SC de forma online pelo aplicativo Zoom. O evento acontece anualmente para fortalecer a categoria através do aprofundamento das discussões sobre as demandas dos bancários e buscar estratégias para garantir e ampliar ainda mais os direitos dos trabalhadores.

Este ano, o debate foi sobre “A Mutação do Sistema Financeiro e os Impactos para a Organização e Estrutura Sindical” e o “Balanço dos bancos e as formas de precarização do trabalho”. Os bancários puderam participar fazendo intervenções e trouxeram contribuições aos debates.

Na avaliação do diretor de Comunicação da Fetrafi-SC, Luiz Toniolo, “foi uma Conferência bastante representativa com delegados dos sindicatos e bancários de base de todas as regiões da Federação. A qualidade dos palestrantes e os temas propostos se destacaram por serem atuais, além de impactarem significativamente na vida dos trabalhadores do sistema financeiro”, afirmou.



Com o acordo bianual 2020/2022, este ano não haverá negociação de pautas econômicas. Porém, é possível avançar em temas como saúde e segurança e teletrabalho. Por outro lado, os debates podem trazer mais informações e esclarecimentos sobre as mudanças do setor financeiro, a forma de enfrentamento da precarização do trabalho e o modelo de representação e organização do ramo financeiro.

Ao final da atividade, foram eleitos 24 delegados para a Conferência Nacional dos Bancários - que acontece nos dias 03 e 04 de setembro - além de serem aprovadas as resoluções e as moções da 23ª Conferência Estadual dos Trabalhadores do Ramo Financeiro de SC. “Esta é a marca digital do movimento sindical bancário. As propostas são a expressão dos anseios dos trabalhadores. Construídas de forma democrática e transparente, elas acabam se convertendo em pautas de reivindicações nas Conferências Nacionais. Além disso, muitas dessas pautas se transformam em conquistas e se integram a nossa Convenção Coletiva de Trabalho ao longo dos anos”, concluiu Toniolo.

Confira abaixo:


- Delegação eleita para a Conferência Nacional dos Bancários


- Resoluções aprovadas na 23ª Conferência Estadual dos Trabalhadores do Ramo Financeiro de Santa Catarina



- Moção em defesa de Rita Serrano, representante dos empregados no Conselho de Administração da CAIXA


- Moção de Repúdio ao Desmonte do Estado e das Políticas Públicas


- Moção de Repúdio à Obtenção de Lucro pelos Bancos Públicos


- Moção Contra as Privatizações e Desmonte das Políticas Públicas


- Moção de Apoio ao Grito dos Excluídos