Buscar

20 de novembro: Dia da Consciência Negra

O Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro, foi instituído oficialmente pela Lei nº 12.519, em 10 de novembro de 2011, durante o governo da presidente Dilma Rousseff. A data faz referência à morte de Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares, situado entre os estados de Alagoas e Pernambuco, na região Nordeste do Brasil.

A data de sua morte, no ano de 1695, foi descoberta por historiadores no início da década de 1970. O Movimento Negro Unificado contra a Discriminação Racial elegeu então a figura de Zumbi como um símbolo da luta e resistência dos negros escravizados no Brasil, bem como da luta por direitos que os afro-brasileiros reivindicam.


Com isso, o 20 de novembro tornou-se a data para celebrar e relembrar a luta dos negros contra a opressão.


O Dia da Consciência Negra é uma data significativa, pois coloca em evidência questões relevantes, como o racismo e a desigualdade social brasileira. É dia de relembrar a luta do povo africano escravizado no passado, tomando consciência de que a sociedade brasileira tem sua base constituída na escravidão de negros e negras.


Além disso, o Dia da Consciência Negra deve servir para reforçar a importância de novas lutas, pois ainda há muito o que avançar contra o racismo no País. Por mais que melhorias e mudanças tenham ocorrido, a falta de oportunidades para a população negra, o racismo presente no cotidiano e as tentativas de apagamento da cultura africana evidenciam que ainda temos um longo caminho a ser percorrido.


Parceiros nas Lutas!

JOACABA.png

BANCÁRIOS

ARARANGUÁ

BANCÁRIOS

CHAPECÓ

BANCÁRIOS

BLUMENAU

BANCÁRIOS

CRICIÚMA